NOVA GUERRA NEM TÃO SANTA À VISTA

Com a notícia veiculada pelo sítio eletrônico UOL, tomamos ciência de que os problemas do Ministério dos Esportes Suspeitos não se limitam a caneladas entre iguais do PCdoB (Põe na Conta do Banco), ou duelo entre antigos ídolos da MPB, Orlando Silva e João Dias. Está lá a informação do início de uma guerra santa – talvez nem tão santa assim – entre os ateus do Partidinho (Entenda-se como Partidão o partido sem preposição PCB, que nem existe mais.) e os evangélicos da Igreja Batista Gera Vida (Ou seria Gera Verba?), de Brasília.

Imagem em dimasmala7.blogspot.com.

Segundo o imaculado pastor David de Castro, líder espírito de porco da igreja e filiado às hostes do Senhor e do PP (Pega Propina), o Ministério repassou à sua igreja a simbólica quantia de 1,2 milhão de reais, com a exigência velada de que 10% fossem repassados à caixinha daquele ideológico partido de massas e guloseimas.

O pastor, que não é bobo nem nada e que crê piamente no dízimo, ficou com a grana toda, prestou contas, posteriormente não aprovadas, e disse que é isso mesmo e que não dá, porque o direito ao dízimo é da igreja dele e não do partido; porque está escrito na bíblia lá dele e que o partido não tem bíblia nem nada, e que os comunistas vivem falando mal do Capitalismo e não está direito eles ficarem assim atrás de dinheiro, grana, bufunfa, rama, ou lá como queiram chamar, tal qualquer cristão, evangélico ou não; porque o Capitalismo foi inventado por eles lá pelos idos do fim da Idade Média, que é muito mais antigo que o tal do Manifesto Comunista de Karl Marx e Engels; que estes mesmos não faziam conta de dinheiro e viviam numa pindaíba danada; pois que o Senhor não quer que seus filhos passem misérias como se fossem simples comunistas ateus, sem fé e já condenados ao fogo do inferno, com todas as penas a que têm direito e merecem; e também que as contas estão muito bem feitas e tudo é implicância só porque não passou o dízimo para o Partidinho.

Sei lá, uma diatribe mais ou menos deste jeito, penso eu, já que é mais um bate-boca a esquentar a batata de Sua Excelência, prestigiado no cargo pela presidente Dilma como técnico de futebol.

Aliás, a tal mixaria foi repassada para aquela poderosa representante da fé, a fim de que se promovesse um campeonato de bingo e cisprandi entre os devotos, por ocasião da semana nada santa de recolhimento de grana de não importa de que fonte seja.

É por isto que eu, na minha descrença generalizada de ateus e de crentes, creio firmemente que as duas correntes arderão no fogo do inferno, já que – imagino – isto vá dar em nada na justiça brasileira e tudo continuará como sempre: uma verbinha daqui para uma ONG ou igreja, uma propina de cá para o caixa do partido ou para minha conta bancária mesmo, porque não sou trouxa e não estou aqui para botar azeitona na empada de ninguém e, antes de qualquer coisa, a verdadeira caridade cristã ou comunista começa de casa.

(Se quiserem ler a notícia, é só clicar aqui.)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s