PRONTO PARA CAIR

Carlos Lupi, o titular do Ministério que dá Trabalho (Disse isto antes do Agamenon, em O Globo de domingo, 13. É só conferir a postagem mais abaixo.), parece ter caído num poço de areia movediça: quanto mais se mexe, mais afunda.

Agora, contra ele, surge denúncia de uso indevido de avião particular em viagem ao Maranhão.

Ir ao Maranhão, feudo da família Sarney, já é altamente suspeito, sobretudo acompanhado por “rico proprietário de uma ONG” (Que coisa mais esdrúxula!) com interesse no dinheiro do G. Agora é que ele se complicou ainda mais.

E, mais uma vez, como é comum nessas situações, a autoridade diz com todas as letras que não conhece o tal fulano, nem sabe de quem se trata, nunca viu mais rico, etc. O que dá oportunidade ao tal fulano de, munido de ironia, desmentir, dizendo, mais menos: “Ah, conhece sim! Ora se não conhece?! Posso refrescar sua memória, Senhor Ministro”, como uma ameaça nem de todo velada de jogar m*rda no ventilador.

Esta nova denúncia será apurada pela Polícia Federal, por determinação do seu colega da Justiça. Virou caso de polícia.

Vejam a que situação chega um homem público da hierarquia ministerial: ter suas ações investigadas pela polícia a mando de um igual do mesmo governo!

Fritura maior nunca vi!

Como diria Tom Jobim, “é pau, é pedra, é o fim do caminho”.

E digo eu, plagiando o Maestro: senta no toco, e fica sozinho!

Está mais do que na hora de dizer que vai lá fora cuspir e aproveitar para sair de fininho, sem bala, sem tiro, sem estardalhaço.

Que tristeza, meu ex-aluno Lupi!

Imagem em leuol.blogspot.com.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s