DE TATUAGENS E TATTOOS

As tatuagens estão na moda, já há algum tempo.

Já vi foto de gente mais cheia de tatuagem do que a Bíblia de Gutenberg tem de letrinhas.

Não sou contra tatuagens e tatuados. Também não sou a favor. Para mim, homem pode tatuar onde, como e quanto queira. Tenho horror a homem! Não fará a mínima diferença.

No entanto, quando vejo uma jovem e bela mulher com tatuagens sobre a pele, fico triste. Pouca coisa no mundo é tão bonito quanto a pele de uma mulher jovem. Assim, qualquer tattoo que se lhe acrescente só será para enfeá-la, e não para embelezá-la, segundo minha estreita visão de beleza. Contudo, reconheço, todos têm o direito de fazer o que querem com sua aparência, desde que não se atinja aquilo que a lei define como “a moral e os bons costumes”, ou não se trate de agressão a quem quer que seja.

Reconheço, apesar de tudo, que há algumas tatuagens bem interessantes.

Por exemplo: “Sou da mamãe”, que vemos no muque do marinheiro robusto de desenho animado, que toma um rum no fundo de uma bodeguita em uma praia estranha, no mais recôndito porto do mundo. Ou aquela “Amo minha esposa”, colocada às costas do marido que vai à praia cheia de garotas estonteantes. Essa foi imposição da cara-metade, a fim de não ver seu boi pastando em pasto alheio.

Há algumas, entretanto, que me soam estranhas.

Dia desses vi, na bem torneada e fornida perna de uma moça, quase junto ao tornozelo, a tattoo de uma bicicleta. Olhei, então, a dona da perna e da tatuagem, ela mesma também fornida em carnes e alguma gordurinha saliente. Não era feia. Ao contrário! E comecei a pensar o que levaria uma jovem mulher bonita a tatuar uma bicicleta na perna. E, confesso, não consegui chegar a nenhuma conclusão.

Outro tipo estranho é a tatuagem de palavra japonesa, chinesa, coreana, no cangote de uns e outros. Ninguém sabe ler aquele troço. Penso que até o dono pouco saberá. Mas aquilo fica ali, como texto de produto contrabandeado do Extremo Oriente, entrado via Paraguai, sem nota fiscal e sem passar pela alfândega.

E quando o caboclo manda tatuar um dragão em sua espádua? Que sentido terá isso? Você poderá dizer que é apenas uma decoração, como se faz decoração de sala, quarto e demais áreas sociais de uma casa. Ah, sim! Entendi! Então é isso? Apenas um elemento decorativo?

Outro dia vi uma chave tatuada no pescoço de um rapaz. Será para lembrar-lhe de carregar a chave, sempre que sair de casa? Ou para dizer aos outros que ele tem a chave do conhecimento, a chave da vida? Ou que ele é chave de cadeia? De cemitério?

Um amigo meu me disse, há algum tempo, que conquistou uma garota toda tatuada. E entrou logo em excitação, só pelo fato de que ela estava toda impressa, igual a um outdoor. E, depois de alguns acertos, foram para a cama. Ele ficou tão impressionado com a quantidade e o sentido escondido das tattoos, que passou a noite inteira tentando decifrar-lhes os significados. E nada mais fez, o que aborreceu, deveras, a garota, que é uma mulher como todas as outras, com desejos e frenesis, apesar das impressões epidérmicas.

Há também aquela história da garota de programa que só atende a altos executivos e empresários, que tatuou um pouco acima da área de lazer, num descampado natural, o preço em dólar do serviço, como um restaurante que afixa o preço à entrada, para que seus clientes saibam quanto pagar. Agora está desesperada com a desvalorização da moeda norte-americana e fica torcendo, com boa parte de sua clientela, para que o governo tome as medidas necessárias à defesa do valor do dinheiro ianque.

E as tatuagens étnicas, votivas, profissionais, surrealistas, oníricas? Um sem número delas!

Aí vem o mirmecólogo e tatua na batata da perna uma formiga. O boiadeiro, um par de chifres. O político honesto, uma urna eleitoral. O desonesto, 10%.

Não sei onde essa onda vai parar!

Olhem só esta aí (imagem em funnyzone.org). De um bom gosto desgraçado!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s