ALOCUÇÃO DE PAI PRUDENÇO

Pai Prudenço muito preocupado com a renúncia do Papa (em talesvale.blogspot.com).

Pai Prudenço muito preocupado com a renúncia do Papa (em talesvale.blogspot.com).

Pai Prudenço, diante do anúncio da renúncia feito pelo Papa Bento XVI, alegando cansaço físico e espiritual para dirigir os destinos da Igreja Católica, resolveu, depois de muito meditar e consultar seus búzios, fazer uma alocução Terreiri et Orbi, nos mesmos moldes da Urbi et orbi do pontífice romano.

Sua alocução, que em língua viva significa Para o terreiro e o mundo, é a seguinte:

“Zifio e zifia! Despois de munto assuntá os búzio e vaguiá nas ideia, arresorvi tomém metê minha cuié de pau nesse imbruio que aquele minino lá nas Roma arranjô dizeno que vai largá mão das obrigação dele lá.

Em premero lugá, quero dizê aqui pra suncês que largá mão de obrigação de santo dá um pratrás na vida do sujeito, munto sério meso. É um perigo pra saúde espirituá do individo largá mão de obrigação. No meu terrero, num aceito isso. Se pegô obrigação, tem de leva inté o fim da vida, inté batê as bota, arriá as cangaia no chão.

Ansim, aconseio aquele minino lá nas Roma, o tar lemão Zé Ratizingue, a pensá dereitim no que fez, pra despois num chorá, num se arrependê, que pode sê tarde demais.

Porém, no entanto, como ieu tomém sô dedicado às coisa do espírito e entendo bastante dessas coisa, me adispus a ajudá  ele. Tô aqui premeteno arriá uns despacho, sangrá umas galinha preta, uns bode intero, na maió cachoera que incontrá nas proximidade do meu terrero. Arreio os despacho, convoco as força celeste pra vortá com os ânimo dele, que tá munto desanimado.

Tomém vô fazê uma garrafada levanta defunto, que ieu quero vê se ele num se apruma de vez e leva os encargo da missão lá dele inté o úrtimo suspiro, que é o que os crente espera de nós que temo obrigação c’os santo.

Vô butá nessa garrafada: jurubeba, pau-pereira, cipó levanta-homi, guaraná, marapuama e raiz forte. Só vô recomendá ao secretaro lá dele que desafaste as frera e as irmã de caridade de perto, porque ele vai ficar na ponta dos casco. E num vô sê acusado de incentivá ninguém a fazê bobiça. Se tomá com fé e responsabilidade a garrafada, vorta as força e as disposição pro trabaio, que num é poco.

Zifio e zifia, é isso que ieu queria dizê, em forma de contribuição de Pai Prudenço para o lemão Zé Ratizingue, meu irmão de santo.

Saravá!”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s