TEMPO DE ESQUISITICES

Que os tempos modernos são esquisitos, disto ninguém duvida. Contudo, há certas esquisitices muito esquisitas, que não fazem o mínimo sentido na cabeça de uma pessoa mediana como eu. Confesso-lhes que não sou dado a grandes lucubrações. Neste ponto, milito na linha benjoriana: sou um rapaz de mentalidade mediana. Ainda que o rapaz tenha fica perdido no tempo.

Vejam, por exemplo, o caso do julgamento dos quatro seguranças do caso PC Farias.

Os membros da família Farias, que são testemunhas do processo, depõem em favor dos seguranças. Dizem que são pessoas da mais alta confiança da família e que, portanto, não creem em sua culpa. Enfim, são inocentes, a seu parecer.

Os quatro foram levado às barras do tribunal não sob acusação de terem assassinado PC e sua namorada, mas sim por terem sido omissos. Ora, omissão não dá tiros. Portanto eles podem ser condenados por um ato que não praticaram, não viram, e do qual nem barulho ouviram. Como, mais ou menos, aquele ícone famoso dos três macaquinhos que cobrem os ouvidos, os olhos e a boca.

Logo, quem efetuou os disparos, quem efetivamente matou o casal (E aqui estou tirando de cogitação a hipótese de ter sido a namorada do PC a praticar o crime e, após, suicidar-se.) ficará impune.

Se ocorrer a condenação dos quatro, será algo parecido com a condenação de alguém que, da calçada, vê uma pessoa ser atropelada por um motorista que fuja em disparada da cena do crime e pague pelo fato de não ter impedido o atropelamento.

Nosso país está ficando, cada vez, mais incrível.

Eh, Brasilzão lascado, sô!

PC no tempo que fazia coisas (em pt.wikipedia.org).

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s