MAU PRESSÁGIO

Não sei por que, mas hoje, conferindo a data no computador, para a postagem do provérbio do dia, achei que há alguma coisa escondida no plano espiritual de porco para o ser humano. Pois vejam: 8/8/2015. Fiquei muito desconfiado! E veja que não sou mineiro, apenas quase!

Você haverá de me dizer: Mas o que de mais tem uma data tão boba? E eu lhe direi que é muito oito junto num dia só: dia 8, do mês 8, e 2015, se somados os algarismos, dá 8 também. Não bastasse o mês ser agosto!

Se eu fosse chinês, diria que a repetição de tal fenômeno astronômico incompreensível se dará só daqui a 88 anos e isso significa que estamos entrando na era do Infinito, já que o símbolo de infinito entre os matemáticos, físicos, fisiculturistas, ocultistas e adeptos de Nostradamus e quejandos é o algarismo 8. Se bem que deitado! Assim: . Contudo para o calendário dar um revertério e passar a mostrar a data deitada, é um pulo. E logo, logo, será um pé para alguma coisa catastrófica ocorrer, como periodicamente alardeiam os alarmista de plantão. Quero me antecipar a eles!

Andei consultando Pai Prudenço, o misterioso guru do blog, para saber se haveria algum problema mais sério para a humanidade, mas ele disse que não teve tempo de consultar búzios, porque está trabalhando em tempo integral para conseguir o milagre de tirar o Vasco da zona de rebaixamento do Brasileirão, antes que a nau naufrague e o bacalhau desande. Contudo, com sua sabedoria ancestral advinda de terras d’África e d’Angola, Congo, Benguela, Monjolo, Cabinda, Mina, Quiloa, Rebolo, aqui onde estão os homens, êêê!*, me garantiu soturnamente: “É mió butá as baba de moio!”

Estou, então, chamando a atenção do amigo leitor para que tenha muito cuidado com o dia de hoje, com as seguintes recomendações que me ocorrem:

  1. Não atravesse a faixa de pedestre, mesmo com sinal fechado para os carros, sem olhar para ambos os lados. Um triciclo na contramão pode esculhambar seu esqueleto, com uma única traulitada.
  2. Caso esteja envolvido na Operação Lava-Jato, opte pela delação premiada. Já são tantos os delatores, que daqui a pouco não haverá mais denunciado: só delator.
  3. Em caso de pendência de dinheiro, dívida no banco, com o agiota ou com o cartão de crédito, aí o negócio é sentar no meio-fio e chorar. As forças ocultas, desde a renúncia do Jânio, trabalham forte no ramo da agiotagem e não lhe darão o mínimo refresco.
  4. Se você for pelo panelaço, ou contra, saiba que “panela velha é que faz comida boa”, não importando se ela é coroa ou não.
  5. A única recomendação positiva de hoje é: Não faça nada que lhe possa prejudicar, caso contrário você será o único responsável a arcar com as consequências funestas do seu ato insano. (Zora Ionara foi quem me deu essa dica de profunda sabedoria astrológica.)

Esteja atento e depois não reclame do azar. Eu avisei!

 

Jânio, quando explicava o que eram as "forças ocultas"
Jânio, quando explicava o que eram as “forças ocultas”

 

———-

  • Parte da letra da magistral canção de Jorge Ben Jor, “Zumbi”. Caso queira ouvi-la, clique aqui.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s