COMO SE CONSTRÓI UM PÔR DO SOL

O fim de tarde ontem, em Icaraí, foi espetaculoso. Parece que São Pedro derrubou a prateleira de tintas primárias, do que resultou o espetáculo. Cheguei ao calçadão da praia um pouco antes das dezoito horas e comecei a registrar os efeitos da luz solar na paisagem, nas nuvens e no horizonte. Aqui organizo em dez imagens, em ordem cronológica, para que meu leitor observe a construção de um pôr do sol bafônico, espetaculoso, ostentoso.

17h58
18h11
18h16
18j20
18h29
18h35
18h37
15h41
18h42
18h51

BARRA DE SÃO JOÃO

O distrito de Barra de São João, no município de Casimiro de Abreu, sempre foi uma passagem para mim, desde os velhos tempos em que não havia a BR101, a ligar Campos com o Rio de Janeiro. Os ônibus que vinham de Bom Jesus do Itabapoana para Niterói, onde passei a morar em 1968, faziam um trajeto mais longo, entrando em Macaé e percorrendo toda a Rodovia Amaral Peixoto, que justamente passa neste distrito. Dele tinha sempre a imagem da igrejinha (Capela de São João Batista) sobre uma elevação, junto à foz do rio São João, e a velha ponte caída, já substituída pela nova, que hoje já não está tão nova assim.

Até que, neste fim de semana, Jane e eu tivemos de ir a um compromisso social lá perto e ficamos hospedados nesta vila à beira mar, onde passou boa parte da vida o poeta romântico Casimiro de Abreu, que deu nome ao município.

Em primeiro lugar, devo destacar a surpresa com a pousada – Casa Nelly – de um casal de alemães simpaticíssimos, que gostam de conversar e estão sempre dispostos a atender os hóspedes. A pousada fica numa rua transversal à rodovia que corta a vila ao meio (Rua Wellington Borges, 103), bem próxima ao mar aberto, cuja orla está urbanizada.

Tendo ficado lá, resolvi matar o desejo de fotografar aquela igrejinha cenográfica e seu entorno. Depois aproveitamos para seguir a dica das amigas que nos convidaram para o rega-bofe do sábado à tarde e fomos conhecer uma das margens do belo Rio São João, até o hotel fazenda de mesmo nome, a menos de sete quilômetros do centro.

Trago, para os amigos leitores, algumas das fotos de Barra de São João, vila que me surpreendeu ao ser vista de outro ponto que não o da rodovia que é, na prática, sua avenida principal.

Espero que gostem.

 

044 031 027 DSC05218DSC05305   DSC05209     DSC05281   DSC05321  DSC05319

 

ÁRVORES SECAS

(Para minha irmã Verônica e o amigo Zatonio Lahud.)

 

No último sábado, percorrendo a estrada que sobe de Bom Jesus do Norte para São José do Calçado, a ES-484, registrei várias árvores secas nos morros que compõem a paisagem. A tarde estava nublada, ou enfarruscada, como dizia meu saudoso pai. Selecionei algumas, que espero sejam do agrado dos meus visitantes.

121 127 128 138 141 142 148

PAISAGEM COM O MUSEU DE ARTE CONTEMPORÂNEA DE NITERÓI

Das diversas fotos que fiz do MAC – Museu de Arte Contemporânea de Niterói, selecionei estas abaixo, tomadas no primeiro dia deste ano. Nelas está sempre incluída a paisagem. Ou, ao contrário, o MAC está sempre incluído nela. Não são as primeiras, assim como não serão as últimas. Também, quem mandou o Niemeyer ter projetado tão belo edifício sobre a belíssima Baía da Guanabara!

279199208222264272280229

ÀS VEZES VOU, MAS VOLTO

Estou sempre indo para Miracema e Bom Jesus do Itabapoana/do Norte. Minhas viagens são demoradas. Minha pressa é tranquila, embora às vezes corra. Mas paro sempre. Para um café, para espichar as pernas, tirar água do joelho, almoçar, e ver, fotografar. Na ida e na volta, quase sempre. É que não tenho muitas urgências mais. Isto torna a viagem, que é sempre rotineira, mais prazerosa. E costumo trocar o itinerário. Vou por um caminho, volto por outro. Então colho alguns cenários que nunca me canso de ver. Até porque a natureza está sempre aprontado alguma. Aí estão alguns deles. (Clique nas fotos para ampliar.)

Angicos à margem da RJ-116, próximo a Cordeiro.
RJ-116, próximo a Cordeiro: Angicos.

Pôr do sol em Itaocara, a partir da ponte sobre o rio Paraíba do Sul.
Pôr do sol em Itaocara, a partir da ponte sobre o rio Paraíba do Sul.

Pôr do sol na ES-484, em direção a São José do Calçado.
Pôr do sol na ES-484, em direção a São José do Calçado.

 

Vista a partir do Alto do Soberbo, Teresópolis-RJ.
Vista a partir do Alto do Soberbo, Teresópolis-RJ.

 

Linhas de transmissão da luz solar (ES-484, próximo a São José do Calçado).
Linhas de transmissão da luz solar (ES-484, próximo a São José do Calçado).